1ª Cia da PRE realiza Blitz com incentivo à leitura, vacinação e...

1ª Cia da PRE realiza Blitz com incentivo à leitura, vacinação e fiscalização no pré-feriadão

0
COMPARTILHAR

Na ação livros infantis foram doados, além de vacinação contra Febre Amarela e Influenza (gripe)

Foto: Alberto Maraux

Entrega de livros infantis, vacinação contra Febre Amarela e Influenza (gripe), teste glicêmico e medição da pressão arterial combinam com blitz policial? Na Bahia, sim. Na manhã desta quinta-feira (21), militares do Batalhão de Polícia Rodoviária (BPRv) da Polícia Militar fizeram uma grande surpresa para os motoristas que trafegavam pela BA-099 (Linha Verde).

Na ação livros infantis foram doados, além de vacinação contra Febre Amarela e Influenza (gripe)

Foto: Alberto Maraux

Fazendo alusão ao Dia do Livro (23 de abril) foram distribuídos aproximadamente 200 exemplares infantis, arrecadados entre os próprios policiais e também com o apoio de escolas locais. “O nosso objetivo é aproveitar a data para lembrar da importância de estimular a leitura entre as crianças”, contou o comandante do 2º Pelotão da 1ª Cia (Simões Filho), tenente PM Rafael Nabuco.

Na ação livros infantis foram doados, além de vacinação contra Febre Amarela e Influenza (gripe)

Foto: Alberto Maraux

O oficial acrescentou que a boa relação com outras instituições permitiu também a parceria com a Secretaria de Saúde de Camaçari, que cedeu funcionários, 80 doses de vacinas da Febre Amarela e Influenza (gripe) e equipamentos para medição do açúcar no sangue e pressão arterial. “Focamos hoje nos motoristas com idade mais avançada. É muito importante que a pessoa esteja bem fisicamente para dirigir nas estradas, pois o trânsito é totalmente diferente de áreas urbanas”, destacou o oficial.

Na ação livros infantis foram doados, além de vacinação contra Febre Amarela e Influenza (gripe)

Na ação livros infantis foram doados, além de vacinação contra Febre Amarela e Influenza (gripe)

Foto: Alberto Maraux

Milene França de Araújo, 36 anos, parou na blitz junto com a mãe, 56, e as duas filhas (8 e 3 anos). “Achei brilhante a iniciativa. Minha filha mais velha já tem o hábito de ler livros infantis e sempre conto histórias para a mais nova buscando incentivar desde novinha. Além disso aproveitamos e nos imunizamos. O feriadão já começou”, comemorou a moradora de Camaçari.(SSP)

Foto: Alberto Maraux

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA